Tesouro Direto Vale a Pena? – Dicas 2017

Dicas e informações sobre o Tesouro Direto e se realmente vale a pena

Tesouro-Direto

Não é novidade que o número de pessoas procurando por informações especializadas e assessoria sobre investimento em títulos públicos através do Tesouro Direto. Aqui, uma das primeiras decisões a ser tomada e a escolha da sua corretora ou agente de custodia para se cadastrar e comprar títulos da divida publica.
Como o preço dos títulos praticamente não varia ao longo do dia nem e necessário efetuar varias operações diariamente, não e necessário utilizar o melhor home broker disponível no mercado. Além disso, o procedimento para compra e venda de títulos públicos e muito simples.
Por esses motivos, recomendamos que no momento de escolher uma corretora para investir no Tesouro Direto, o principal fator de decisão seja a taxa de administração cobrada por estes por seu serviço, pois isso impacta diretamente na rentabilidade desse investimento.
Outro dos fatores que devem ser tomados em conta deve ser por exemplo contar com a facilidade e comodidade de investir através do seu próprio banco, caso a taxa não seja muito alta, ou ate mesmo o valor que você pagaria pelo DOC/TED para transferir seu dinheiro para a corretora.
Segundo o experto Rafael Seabra, esse ponto e levado em consideração por poucas pessoas, que não dão atenção a que dependendo do valor do DOC/TED e do valor a ser investido, existe a possibilidade de encarecer bastante a aplicação, ou seja, o tesouro direto vale a pena.
Para dar um exemplo, digamos que seu banco cobre R$10 pelo DOC, enquanto você deseja investir R$500 em títulos. Logo, o valor cobrado pelo doc represente o 2% do montante a ser aplicado, o que significa um custo exorbitante e que deve ser considerado.
Uma dica sobre o Tesouro Direto interessante que Rafael menciona e tentar fazer um acordo com o banco para pelo menos ter um DOC grátis por mês, para que essa operação não inviabilize o investimento. Caso contrario, o recomendado e manter a quantia aplicada mensalmente na poupança ate que você atinja um valor onde o custo no DOC represente um valor menor ao 0.5% do montante a ser transferido.





Deixe um Comentário