Nota Fiscal Paulista Consulta 2017

Consulta Programa Nota Fiscal Paulista

programa-nota-fiscal-paulista

O Governo do Estado de São Paulo, em parceria com a Secretaria da Fazenda, lançou o Programa Nota Fiscal Paulista, que devolve parte do valor cobrado de imposto dos produtos e serviços, ao consumidor final. Agora o cidadão paulista pode ganhar dinheiro ou prêmios ao solicitar a nota fiscal dos produtos que comprar. Para isso basta exigir que o número do seu CPF seja colocado no cupom fiscal, no ato da compra. Assim uma parte do valor de imposto que será recolhido pela Secretaria da Fazenda com a venda do produto, será depositado no cadastro do consumidor, que deve ser realizado previamente.

Desde a criação do programa Nota Fiscal Paulista, todos os consumidores cadastrados no programa, que efetuarem compras ou serviços em que seja emitida nota fiscal, poderá solicitar no ato da compra, que o número do seu CPF esteja presente na nota. Neste momento o valor de 30% do ICMS pago pela venda do produto, deve ser vinculado ao CPF do consumidor. E ele pode ir acumulando esses valores, e depois solicitar o saque em sua conta corrente ou poupança, além de poder participar de sorteios de prêmios.

ConsultaNota Fiscal Paulista

Veja na imagem abaixo o passo a passo de como funciona o sistema do Programa Nota Fiscal Paulista:

como-funciona-nota-fiscal-paulista

O melhor de tudo isso, é que o objetivo do programa está sendo alcançado. A sonegação de impostos fica mais difícil quando o consumidor exige que o lojista ou prestador de serviço emita a nota fiscal. Desta maneira a arrecadação tributária do estado de São Paulo aumentou, devido ao sucesso do programa. Mais de 4 bilhões de reais já foram pagos aos consumidores que se cadastraram no programa, e estão exigindo a sua nota fiscal nas compras.

Para fazer a consulta da Nota Fiscal Paulista acesse o site www.nfp.fazenda.sp.gov.br e preencha seus dados. Após o cadastro, você já pode começar a solicitar a inclusão do seu CPF na nota fiscal, e ganhar dinheiro com a devolução do imposto.





Deixe um Comentário