Como Recorrer Multa de Trânsito 2017

Dicas de como você pode recorrer as multas de trânsito

como-recorrer-a-multa-de-transito

Pra muitos jovens o maior sonho depois de completar os 18 completos é tirar a tão desejada carteira de motorista (habilitação). Sabemos que dirigir e ter um carro não é tarefa tão fácil como pensamos que é, atrás de um belo carro se esconde muitas responsabilidades das quais devemos zelar, pois qualquer erro pode ser “fatal” e as vezes podem até nos tirar o direito de dirigir. Para que isso não aconteça devemos andar dentro e conforme a lei nos aconselha. Os casos mais comuns hoje em dia são as multas de trânsito aquelas que temos quando atravessamos um sinal vermelho ou passamos em uma velocidade acima do permitido principalmente em radares eletrônicos.
O que muitos não sabiam era que diante uma multa injusta você tem o direito de recorrer. Se você levou uma multa injusta e que pode ser justificada não perca a chance e direito de recorrer pois além de economizar você poupa pontos em sua carteira, com mais de 20 pontos você perderá o direito de dirigir.
Para solicitar o cancelamento de multa de trânsito você precisará:

  • Explicar o por que do ocorrido, por que recebeu essa multa injustamente.
  • Informar seus dados pessoais, como nome, idade, telefone, se for o caso informar o nome do proprietário do veiculo.
  • Comprovante ou recibo de estacionamento caso a multa tenha feito na hora que o carro estivesse no estacionamento.
  • Gesticular bem a justificativa da multa, caso você não consiga, peça ajuda a algum amigo ou advogado de sua confiança, ele poderá te ajudar nesses casos.
  • Pedir novamente uma foto do veiculo na hora em que a multa foi feita (principalmente se a multa foi feita através de um radar eletrônico).
  • Comprovantes de oficia, se no caso seu carro foi mandando horas antes da multa ou ele estava na oficina no momento da multa.
  • Documentos como: Identidade, CPF, habilitação, licenciamento e certificado de registro.
  • O prazo de validade para recorrer a multa é de 30 dias.
  • Caso a multa não for entregue no prazo previsto, vá até a uma agencia dos correios e com um documento que justifique o erro na hora de entrega (no caso se a multa for entregue 30 dias após ela ser feita).

Não se esqueça dos prazos dado, faça tudo antes do tempo previsto, pois qualquer motivo pode levar a você a pagar a multa. É bom lembrar que mesmo com todas as orientações acima você não está isento de não pagar a multa.





Deixe um Comentário